Centro de Oncologia

Agende sua
Consulta

×
  • >
  • BLOG


nosso blog

18/05/2021 09:05

Maio Vermelho: tabagismo e etilismo são os principais fatores de risco para o câncer de boca

No Maio Vermelho, mês de combate ao câncer de boca, é fundamental alertarmos para esta doença, a qual pode ser prevenida a partir de mudanças de hábitos.

 

De modo geral, câncer de boca é o nome dado ao conjunto de tumores que podem acometer o lábio, a língua, a gengiva, o assoalho da boca e o palato (céu da boca). Ele surge com aspecto de aftas mais profundas, úlceras e lesões elevadas, irregulares e sangrantes.

 

Se você chegou até aqui, provavelmente é porque está buscando mais informações a respeito. Neste caso, está no lugar certo. Acompanhe o nosso post, que contou com a participação da cirurgiã oncológica de cabeça e pescoço, Dra.  Mariana Escani Guerra.

 

Principais fatores de risco para o câncer de boca

 

Como todo câncer, não podemos deixar de falar do tabagismo. Inclusive, esse é o fator de risco mais importante quando se tratam dos tumores na boca. Em conjunto com o consumo excessivo de álcool, o risco é ainda maior ao paciente.

 

Além disso, um fator pouco lembrado, mas que deve ser considerado, é o uso de próteses dentárias mal adaptadas, as quais geram lesões crônicas que não têm cicatrização e podem se transformar em tumores malignos.

 

Sintomas para ficar atento

 

É preciso observar lesões que não cicatrizam, sangram, aumentam de tamanho e causam dor local. Outro sintoma que também traz risco é o trismo, ou seja, a dificuldade de abrir a boca.  Além disso, o câncer bucal pode se manifestar pelos seguintes sinais:

 

- Manchas/placas vermelhas ou esbranquiçadas na língua, gengivas, céu da boca ou bochechas;

- Nódulos no pescoço;

- Rouquidão persistente;

- Dificuldade de mastigar e de engolir;

- Sensação de que há algo “preso” na garganta;

- Dificuldade para movimentar a língua.

 

Como é feito o diagnóstico

 

O diagnóstico dos tumores de boca é feito por meio de avaliação médica, conversa com o paciente (anamnese), exame físico e biópsia.

 

Tratamentos para a doença

 

O tratamento a ser realizado depende do tipo de tumor, localização e estágio da doença. De modo geral, pode englobar cirurgia, com ou sem necessidade de reconstrução, quimioterapia e/ou radioterapia.

 

Como você viu, fumar e consumir álcool associadamente e em excesso são fatores de risco importantes para o câncer de boca. Por isso, realizar mudanças em seus hábitos de vida auxilia diretamente na saúde bucal, bem como na prevenção de neoplasias.

 

Que tal conscientizar quem você gosta sobre este importante assunto? Compartilhe em suas redes sociais!

Comentários
Comentar


Outras notícias
Titulo do blog Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quidem vero exercitationem unde veniam reiciendis debitis, quaerat, molestiae culpa, autem provident facere at ipsa facilis animi sit vitae quam tempore aspernatur.
Leia +
Titulo do blog Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quidem vero exercitationem unde veniam reiciendis debitis, quaerat, molestiae culpa, autem provident facere at ipsa facilis animi sit vitae quam tempore aspernatur.
Leia +
Titulo do blog Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quidem vero exercitationem unde veniam reiciendis debitis, quaerat, molestiae culpa, autem provident facere at ipsa facilis animi sit vitae quam tempore aspernatur.
Leia +