Centro de Oncologia

Agende sua
Consulta

×
  • >
  • BLOG


nosso blog

25/06/2021 10:06

Como combater as infecções que podem ser causadas pela queda da imunidade durante a quimioterapia?

Quando se fala em quimioterapia, alguns sintomas são conhecidos por grande parte das pessoas, já que são visíveis. Entre eles podemos citar a queda de cabelo, as náuseas, os vômitos e a fadiga. No entanto, existe um efeito “invisível” e perigoso, o qual pode vir até a atrapalhar o tratamento. A ele se dá o nome de neutropenia, que consiste na queda de glóbulos brancos, relacionados à defesa do organismo contra as bactérias, fungos e vírus. Essa condição pode ocorrer como complicação tanto no tratamento de tumores sólidos como nos hematológicos.

 

Em função da redução das barreiras de proteção do corpo, como a pele e mucosas, por exemplo, bem como dos glóbulos brancos, podem ocorrer infecções por vírus, bactérias, fungos e outros parasitas. Nesse contexto, a prevenção é a chave para combatê-las.

 

Pensando em auxiliar os pacientes nesse processo, conversamos com a oncologista clínica, Dra. Rayana Pecharki Postai, e listamos algumas dicas importantes que podem ser seguidas no dia a dia. Confira quais são elas:

 

- Lavar bem as mãos antes de comer ou cozinhar;

- Comer somente carnes totalmente cozidas;

- Lavar frutas e verduras sob água corrente com escova antes de descascar ou cortar;

- Deixar as frutas e verduras que serão consumidas cruas em uma solução de hipoclorito de sódio (água sanitária) de 2 a 2,5%, contendo uma colher de sopa rasa para cada um litro de água potável. Depois de lavadas, uma a uma, as verduras e frutas devem ficar de molho por 30 minutos e, em seguida, enxaguadas em água filtrada;

- Cozinhar os ovos até a clara e a gema estarem completamente duras;

- Lavar as embalagens dos alimentos antes de abri-los;

- Beber somente água filtrada ou fervida;

- Evitar fazer refeições em lanchonetes ou restaurantes, pois não há como garantir a segurança na higiene desses alimentos.

 

Sintomas de infecção para ficar atento

 

Além de tomar os cuidados citados, é importante que o paciente esteja atento a sintomas como febre, transpiração ou calafrios, tosse, dificuldade para respirar, diarreia, dor de garganta, úlceras na boca e dor ou ardor ao urinar. No caso da febre, vale ressaltar que, na presença de temperaturas acima de 37,8º, a orientação para os pacientes em quimioterapia é que procurem imediatamente o pronto atendimento, pois este sintoma pode até mesmo levar a óbito.

 

Vale frisar quem, em tempos de pandemia de coronavírus, usar máscara sempre que sair de casa e evitar ao máximo aglomerações são atitudes fundamentais.

 

Este conteúdo foi útil para você? Acha que pode ser interessante para alguém que você conhece? Então compartilhe em suas redes sociais!

 

 

 

Comentários
Comentar


Outras notícias
Titulo do blog Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quidem vero exercitationem unde veniam reiciendis debitis, quaerat, molestiae culpa, autem provident facere at ipsa facilis animi sit vitae quam tempore aspernatur.
Leia +
Titulo do blog Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quidem vero exercitationem unde veniam reiciendis debitis, quaerat, molestiae culpa, autem provident facere at ipsa facilis animi sit vitae quam tempore aspernatur.
Leia +
Titulo do blog Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quidem vero exercitationem unde veniam reiciendis debitis, quaerat, molestiae culpa, autem provident facere at ipsa facilis animi sit vitae quam tempore aspernatur.
Leia +